Browse By

CS:GO – Boltz faz a diferença, Immortals vence fnatic e garante vaga nos playoffs da DreamHack Malmo

A Immortals venceu a fnatic na MD3 decisiva do grupo D da DreamHack Masters Malmo, nessa sexta-feira (01). Ricardo “Boltz” Prass somou 52 eliminações em dois mapas e um rating de 1.72, desequilibrando para os brasileiros, que avançam para os playoffs, nesse sábado (02).

Os brasileiros nas quartas de final: SK Gaming enfrenta a G2 às 05h00. A Immortals pega a North às 14h00.

16 x 10 (Cache)

A fnatic começou arrasadora na Cache, vencendo o pistol round e garantindo os antiecos sem ter grandes problemas, o primeiro armado também foi sueco. Os brasileiros não encaixaram uma boa estratégia defensiva inicial, e sofriam para manter o lado CT. Só foram pontuar pela primeira vez após cinco rodadas da fnatic. Ricardo “boltz” Prass, escondido no bombsite A levou três jogadores num belo spray, segurando a ofensiva europeia por lá

A vantagem visível permaneceu até o 1 x 7. A partir dai os brasileiros se recuperaram, e conseguiram encaixar uma boa sequência de rodadas que quase foi quebrada por um 1v4 de Maikil “Golden” Selim, que foi impedido por Lucas “lucas1” Teles.

Depois disso a fnatic parou, conquistando apenas alguns rounds marginais, o half se encerrou em 6 x 9.

A recuperação brasuca continuou na segunda parte, vencendo o pistol, garantindo os antiecos e sem muitos problemas encaixando o empate. A fnatic, perigosa nos forçados, de nada conseguia fazer nos armados e sucumbia a força ofensiva da Immortals, principalmente com Ricardo “boltz” Prass, que era impecável em tudo que fazia.

A fnatic viria a pontuar novamente, no que parecia um começo de reação, mas não foi. Os brasileiros faziam o que queriam em qualquer entrada, Boltz era cirúrgico, passando das trinta eliminações, ficou fácil para fechar o jogo em 16 x 10 e garantir o mapa inicial.

16 x 08 (Train)

A exemplo do primeiro mapa, a fnatic começou destruindo as pretensões brasileiras, além de vencer o pistol enfiou logo  mais quatro, abrindo vantagem importante. Porém, em recuperação a Immortals encaixou suas entradas de terrorista e não tinha qualquer dificuldade para entrar nos bombsites. Novamente, nos forçados os suecos se mostravam bastante efetivos, fazendo um estrago imenso contra os armados brasucas, não deixando que a economia se sobressaísse.

Novamente Ricardo “boltz” Prass fazia a diferença, nem tanto pelo número de frags, mas dessa vez por se efetivo nas situações cruciais da rodada. Após sete rounds em sequência, enfim a fnatic voltou  a pontuar (7x 6). A partida embalou no fim da metade, e ambas as equipes se, enfim, igualavam, fechando o half em 8 x 7.

De CT na segunda metade a  Immortals venceu o pistol round e não perdeu tempo em ampliar sua vantagem. Novamente tomando como exemplo o primeiro mapa da série, os brasileiros faziam um segundo half perfeito, perdendo apenas um round, tudo dava certo, ao fim expressivos 16 x 08.

Participe de nosso sorteio de setembro de duas skins de CS:GO. Veja a tabela e horários da DreamHack Masters Malmo clicando aqui.

Para mais artigos e notícias sobre eSports curta nossa página no Facebook.

Gosta do nosso trabalho? Considere participar de nossa campanha para custear o site, veja informações aqui.