Browse By

CS:GO – Caminho ao Major: Cloud 9 [PGL Major Krakow 2017]

Player alternativo (clique aqui para baixar):

Para o PGL Major Krakow 2017 preparamos novamente a nossa série de artigos “caminho ao major”, mas dessa com um complemento bastante diferente. Junto dos artigos, os leitores poderão ouvir um podcast de aproximadamente 20 minutos aprofundando um pouco mais sobre a equipe em questão.


Jake “Stewie2K” Yip
Timothy “autimatic” Ta
Mike “shroud” Grzesiek
Jordan “n0thing” Gilbert
Tyler “Skadoodle” Latham

Um ano e meio após o primeiro Major em sua casa, o Cloud9 volta ao torneio mais importante da modalidade. A equipe volta muito diferente daquela que foi eliminada com uma campanha pífia. Não só pela adição do fenômeno Timothy “autimatic” Ta, que junto com Jake “Stewie2k” Yip, são responsáveis pelo sucesso da equipe nas campanhas recentes. Engana-se quem pensa que o sucesso dessa equipe se limita a dupla, hoje a Cloud9 joga os campeonatos com os cinco jogadores. Onde estes participam ativamente de todos os momentos do jogo. A Cloud9 acompanhou a evolução da sua região. Hoje consegue unir habilidade individual dos seus players, e formar um time muito organizado dentro do servidor.

Um dos players com grande qualidade individual é  Michael “Shroud” Grzesiek, o único canadense do time.  Ele vem demonstrando boa forma. Com 11 clutchs vencidos na ESL One Cologne 2017, Shroud foi essencial para a ótima campanha do time, o destaque da equipe na competição.

ESL Cologne acrescentou muito para equipe, foi a terceira final de um grande evento, no espaço de um ano. A equipe conseguiu exito na segunda oportunidade, vencendo, na época, os atuais campeões do major, os brasileiros da SK Gaming, em São Paulo. No torneio os americanos apresentaram um estilo de jogo inteligente, visto o adversário. Contra os rounds cadenciados e demorados da SK, os americanos esperavam até o ultimo momento para gastar os utilitários.

No entanto, mesmo com o bom momento após esse torneio, a equipe não conseguiu classificação para o Major em Atlanta. Contudo, diferente de outras equipes da própria região NA, manteve a mesma formação. O resultado foi uma equipe solida em classificatórios online, porém, instável nas competições presenciais pós-Major, vide os torneios DreamHack Masters Las Vegas e IEM Katowice 2017, onde a mesma não conseguiu avançar da fase de grupos.

C9 na disputa da IEM Katowice. Foto: HLTV.org

Todavia, nos últimos dois meses, onde era necessário demonstrar empenho e vontade de vencer, Cloud9 voltou a ocupar o pódio das competições. Foi até o classificatório regional, e venceu, com certa dificuldade. Semanas depois fez uma boa campanha nas finais da ECS Season 3, em Londres, onde caiu nas semifinais. Dias depois carimbou sua volta ao Major, com uma campanha solida, com apenas uma derrota, para a forte G2 Esports.

Na ultima semana, quando foi vice campeã da ESL Cologne, os americanos provaram que tem cartas na manga para um bom desempenho no Major. Além disso, demonstra estar se desvinculando do titulo de equipe acovardada frente a grandes equipes. Acredito que se eles jogarem com a garra apresentada no evento da ultima semana, estarão na briga pelo status de Legends.

Confira a playlist com todos os programas dessa série.

A GCB Games fará a cobertura completa do PGL Major Krakow 2017 entre os dias 16 – 23 de julho.

Para mais artigos e notícias sobre eSports curta nossa página no Facebook.

Gosta do nosso trabalho? Considere participar de nossa campanha para custear o site, veja informações aqui.