Browse By

CS:GO – Fnatic vence a EnVyUs, e avança para as semifinais da ELeague

OLOFMEISTER

Olomeister, grande nome da partida. Foto: HLTV.org

O primeiro jogo das quartas de finais da ELeague começou com vitória sueca  para cima dos franceses, por dois mapas a zero (Cbble e Dust 2, respectivamente), renovando suas esperanças de voltar ao topo do pódio. A EnVyUs, que “venceu” o grupo F, da adeus a competição e recebendo 50 mil dolares.

Fnatic 2 vs. 0 Team EnVyUs

Team EnVyUs 13 x 16 Fnatic (Cobblestone)

Cobblestone foi o mapa escolhido para iniciar o confronto. A Fnatic começou melhor a partida com seu forte avanço na região da “queda”, abriu o placar e não encontrou problema na defesa dos anti-ecos. Mas, no primeiro armado, a EnVyUs impôs um bom anti-tático, conseguindo sair do zero. Os suecos são conhecidos por ter um lado terrorista muito forte, inclusive na ELeague fizeram um round perfeito (15 a 0) contra a Faze, porém, contra os franceses a história foi outra, Kenny “KennyS” Schrub  era muito eficaz na região que leva o nome de “Olof” (Olof “Olofmeister” Kajbjer, astro da Fnatic), e conseguindo deixar o placar final do half um tanto equilibrado (9 a 6).

A segunda metade começou com a Fnatic jogando como EnVyUs no primeiro armado, compacta no bomb B e aguardando a atitude do adversário. Os franceses, por sua vez, não jogavam como os suecos, permitindo que estes aumentassem a vantagem. Com um placar muito desfavorável (12 a 6), a EnVyUs  conseguiu responder, novamente, no armado, embalando e conquistando os quatro rounds seguintes, não tardou para que os franceses conseguissem o empate. Mas, os suecos se mostravam seguros,  e com controle da situação, era como ve-los abusando do jogo em equipe e conseguiam kills cruciais para vencer rounds, encaminhando a vitória apertada, neste mapa.

Fnatic 16 x 05 Team EnVyUs (Dust 2)

Com muita ousadia a EnVyUs, jogando de CT, começou melhor o mapa, com Happy fazendo bom avanço na região do fundo, coletando muita informação para sua equipe. A Fnatic respondeu na mesma moeda, forçou no round seguinte e arrancou o empate. No seu primeiro “Full Buy” os franceses pontuaram, empataram e viraram o jogo, nos rounds seguintes. Quando o placar marcava 7 a 3 para os franceses, Olofmeister e Krimz começaram a crescer na partida e comandaram a reação dos suecos que viraram o half, colocando um tom dramático na partida (8 a 7).

Absoluta no fim do primeiro round, a Fnatic continuou com a mesma força na segunda parte, fez um half perfeito, finalizando a participação dos franceses nesta temporada da ELeague.